300 toneladas lixo são retiradas da Lagoa do Sidil

No local foram encontrados pneus, televisores velhos, latas e muitas embalagens 

A Secretaria Municipal de Operações e Serviços Urbanos (Semsur) retirou da Lagoa do Sidil 300 toneladas de lixo e entulho. Os trabalhos iniciaram no dia 27 de dezembro e tem previsão de término em 31 de janeiro. No local foram encontrados pneus, televisores velhos, latas e muitas embalagens que servem de depósito para água e ameaçam as ações de prevenção à dengue.

Além da retirada de entulhos a equipe também está retirando os aguapés, o que contribui para melhorar a oxigenação da água. Segundo o Diretor de Operações e Serviços Urbanos, Rodrigo Assis, o trabalho no local tem sido intenso e a quantidade de lixo retirada do é assustador.

“Após essas semanas é possível visualizar o espelho d’água. Mas é necessário que os moradores se conscientizem que na lagoa não é lugar de jogar entulhos. Após as finalizações da operação, vamos incluir a lagoa em nosso cronograma de limpeza, mas para o resultado continuar depende da população preservar”, ressalta.

Trabalhos continuam até o dia 31 de dezembro (Fotos: Divulgação)

Deixe seu comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do PORTAL GERAIS. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O PORTAL GERAIS poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.