Skip to main content

35 pessoas aguardam na UPA de Divinópolis por internação hospitalar

By 14/09/2021setembro 20th, 2021Outras Notícias, Saúde

“Está terrível, superlotado e o pessoal está tendo alta para ficar em casa”, afirma presidente comissão de Saúde

Trinta e cinco pessoas estão, atualmente, em Divinópolis, aguardando uma vaga para internação hospitalar, alguns casos são cirúrgicos. A informação foi divulgada pela prefeitura, ao PORTAL GERAIS, nesta segunda-feira (13/9).

Nesta última sexta-feira (10), a nossa reportagem noticiou a luta contra o tempo de João Pedro, que desde 04 de setembro estava internado em busca de uma vaga para uma cirurgia de urgência pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Em um novo contato, nesta semana, ele declarou que segue internado na unidade, sem nenhuma atualização.

Na ocasião, o paciente relatou que haviam inúmeros outros casos semelhantes na unidade. Dias após a publicação desta matéria, outras pessoas procuraram a nossa reportagem para relatar situações semelhantes.

Histórias

Um destes casos é de Luana Moreira, de 21 anos, que há sete dias, aguarda uma vaga hospitalar para uma cirurgia de urgência. Ela foi diagnosticada com cisto no ovário hemorrágico. 

“Vou ter que fazer uma transfusão de sangue, pois durante o dia, todo dia, eles cortam a minha alimentação. Me deixam comer só à noite e aí os meus exames deram todos baixos. A cirurgia não sai. É complicada a coisa aqui”, contou Luana.

Próximo de João Pedro, Deivison Carvalho também buscou a nossa reportagem para mostrar a situação do morador de rua Carlos Alexandre Brandão, de 40 anos. Ele foi atacado por um animal no pé e está internado na UPA desde a última quinta-feira (9/9).

“Quando chegou havia apenas uma bolhazinha, mas a cada dia que passa o problema dele está só agravando. Os pés dele começaram a inchar, se espalhou para a perna, agora já passou para a coxa. E ele está com medo de passar para o coração, pois disse que tem problemas cardíacos, já deu parada cardíaca e eu estou com muita dó dele, sabe?”, falou.

Câmara

O assunto também vem sendo pauta dos trabalhos da Comissão de Saúde da Câmara Municipal. Ao PORTAL GERAIS, o vereador Zé Braz (PV), que preside as atividades, relatou que a equipe tem cobrado soluções da administração da UPA.

Dentre os relatos recebidos pela comissão, há pacientes internados há cerca de 100 dias.

“Temos cobrado, aqui na tribuna, do secretário. No entanto, a justificativa dele para a gente, de não ter iniciado as eletivas em Divinópolis é a superlotação, de dar vasão nos pacientes da UPA. Só que sabemos que está terrível, superlotado e o pessoal está tendo alta para ficar em casa”, relatou o edil, que também afirmou que os leitos de COVID-19, que estão em diminuição e em um cenário considerado tranquilo, não têm a ver com a atual situação do local.

O parlamentar também relatou que convocou uma reunião para a tarde desta segunda, com os administradores e que os gestores da unidade já iriam estar na UPA para verificar a atual situação.

O PORTAL GERAIS tentou contato com o vereador, a fim de obter atualizações sobre o encontro, mas até o fechamento desta reportagem não obtivemos retorno.

Prefeitura

Procurada pelo PORTAL GERAIS, a Prefeitura de Divinópolis, por meio da assessoria de imprensa, informou que sobre a atual situação na UPA, o procedimento é o mesmo para todos os pacientes.

Segundo o município, a Secretaria Municipal de Saúde, juntamente com a Central de Regulação Estadual realiza a admissão na UPA e busca a disponibilidade das vagas que são estaduais. A regulação é feita por meio do SUS Fácil.

Marcelo Lopes

Marcelo Lopes

Graduado em jornalismo e apaixonado por esportes e histórias.