5 dicas valiosas para gerenciar um e-commerce

São milhares de lojas virtuais disponíveis no Brasil e conseguir um espaço ao sol nem sempre é fácil. Independente do ramo do e-commerce, alcançar o sucesso requer uma série de estratégias e ações certeiras do gerente.

Para maximizar o seu trabalho na função de gerenciar um e-commerce, separamos algumas dicas valiosas que podem fazer a diferença na loja virtual.

Não tente fazer tudo sozinho

Esse é um erro comum entre gerentes de loja virtual que estão iniciando a trajetória. Ser o dono do empreendimento pequeno ou médio não significa que você precisa fazer todas as tarefas no que diz respeito ao lado administrativo.

Mesmo se a loja estiver no início e sem muito faturamento, procure por parcerias em troca de comissão de vendas com pessoas capacitadas que podem ajudar a gerenciar os aspectos necessários de um bom e-commerce. Dessa maneira, não tentar fazer tudo sozinho vai só melhorar o seu desempenho como administrador, pois esse movimento resultará em maior foco  nas questões mais importantes da loja.

Tenha uma rotina profissional e não esqueça da sua saúde

Para quem administra um e-commerce direto do home office, uma das questões mais importantes é ter uma rotina profissional e priorizar a disciplina para maximizar as suas ações.

Cuidar da saúde e sincronizar o bem-estar mental com o físico é algo muito valioso para vários empresários de sucesso e o mesmo se aplica para os empreendedores de lojas virtuais.

No que tange ao lado mental, uma das maneiras de manter a mente limpa e focada no que precisa ser feito para gerenciar uma companhia online é praticar técnicas de yoga — essencial para pessoas que trabalham diretamente com investimento. Essa atividade é usada por muitas empresas do ramo dos negócios e até mesmo por competidores de poker que enxergam nessa alternativa uma boa aliada na hora de aliviar a tensão. A técnica pode também ser uma aliada e há vários aplicativos de celular que ajudam em meditação guiada. 

Ser um workaholic pode fazer com que a sua loja cresça mais rápido, no entanto, focar o seu tempo integral apenas no trabalho e esquecer do lado físico e emocional podem acarretar em problemas relevantes no médio e longo prazo.

Cuidado com a zona de conforto

Em qualquer empreendimento, ficar atualizado às novidades e se inteirar sobre novas tendências são tópicos essenciais. No e-commerce, tudo isso é ainda mais vital pelo fato de que o mundo virtual segue em constante evolução e em ritmo frenético.

Portanto, o administrador precisa tomar muito cuidado para não cair na zona de conforto e sempre procurar novos meios de potencializar os seus resultados. Além disso, na internet há centenas de cursos muito interessantes sobre como gerenciar uma equipe de funcionários virtuais, como trabalhar o lado psicológico de cada empregado, como potencializar a função de gerente e etc.

Photo by Pxhere.com

“Conhecimento é a ferramenta mais poderosa que você pode ter” é um ditado que se aplica perfeitamente ao gerente de uma loja virtual.

Não fique vidrado apenas no número de vendas

É claro que as vendas são o verdadeiro combustível de qualquer e-commerce e a fonte de renda que mantém a engrenagem funcionando. No entanto, na hora de analisar os resultados do mês e procurar por melhorias na empresa, não fique vidrado apenas no número de vendas.

Photo CC BY-SA 2.0

“O número de vendas é um indicador importantíssimo, porém não é o único quando falamos de loja virtual. Acompanhe também o número de visitas, o tempo médio, as páginas mais visitadas, os termos mais procurados, enfim, mapeie o quanto puder do seu site, toda informação pode ser útil e irá ajudá-lo a direcionar sua gestão”, aponta a página de negócios e gestão do UOL.

Procure alianças confiáveis

Esse tópico é importantíssimo para o crescimento de um e-commerce. Alianças confiáveis com parcerias duradouras e saudáveis para ambas partes são fundamentais para o progresso da loja virtual.

Exemplo: realizar uma promoção em parceria com alguma loja virtual de outro setor, se juntar a bons e confiáveis afiliados, fechar acordo com atacados que são rentáveis a longo prazo, contar com parceiros influentes na área de marketing e por aí vai.

Alianças como essas citadas acima rendem bons frutos, no entanto, no outro lado da moeda, parcerias com empresas pouco confiáveis podem emperrar o crescimento da loja virtual.

Essas foram algumas dicas valiosas para gerenciar um e-commerce. É claro que administrar uma loja virtual vai muito além disso, porém, seguir esses tópicos vai fazer com que você maximize um pouco do potencial da sua empresa.

 

Deixe seu comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do PORTAL GERAIS. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O PORTAL GERAIS poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.