Skip to main content

Agentes cedem, sobrestamento é retirado e crédito adicional aprovado

By 10/11/2022Política

Aprovação do projeto era condicionante imposta pelo prefeito para pagar o salário dos profissionais

O projeto EM 063/2022 que autoriza a abertura, pela Secretaria Municipal de Saúde, do crédito adicional suplementar de R$ 16.996.241,44 foi aprovado, nesta quinta-feira (10/11), após inclusão na ordem do dia. Os agentes comunitários de saúde e endemias cederam e acordaram com o vereador Roger Viegas (Republicanos) a retirada do pedido de sobrestamento que venceria na próxima semana.

A aprovação do projeto era condicionante imposta pelo prefeito Gleidson Azevedo (PSC) para o pagamento da categoria. Parte da suplementação é para o salário dos profissionais. Emboram, a folha de pagamento da prefeitura tenha sido quitada na última sexta (4/11), eles ficaram de fora.

Viegas, ao justificar o voto, disse que, mesmo a categoria tendo votado na terça (8/11), para manter o sobrestamento, chegou-se a conclusão após envio da Secretaria Municipal de Governo, que a aprovação seria a única forma de pagar os agentes.

Mesmo com o projeto votado, as medidas aprovadas na assembleia, como paralisação no dia 16 próximo e operação tartaruga estão mantidos. A categoria quer que as progressões sejam calculadas pelo piso nacional de R$ 2.424 e não em cima do piso da prefeitura de R$ 1,6 mil. Para isso, requer a alteração do GH com previsão no orçamento de 2023.