Skip to main content

Atendimento às gestantes de alto risco para prevenção da mortalidade materno-infantil foi debatido no 1º Encontro da Saúde

By 28/05/2022maio 30th, 2022Gerais, Outras Notícias, Padrão

Evento promovido pelo CSSJD reuniu profissionais da atenção primária de municípios da região

Referência para 53 municípios da região no atendimento às gestantes de alto risco, o Complexo de Saúde São João de Deus (CSSJD) realizou, nessa sexta-feira (27/5), o 1º Encontro da Saúde. O evento foi realizado no Auditório da Faculdade Pitágoras, reunindo dezenas de profissionais da Atenção Primária e autoridades dos municípios da Região Ampliada Oeste de Minas.

Estiveram presentes compondo a mesa de honra do evento a Diretora Presidente do Complexo de Saúde São João de Deus, Elis Regina Guimarães, o Prefeito de Divinópolis, Gleidson Azevedo, o Superintendente Regional de Saúde, Júlio Barata e o Secretário Municipal de Saúde, Alan Rodrigo da Silva.

Segundo a Diretora Presidente do CSSJD, Elis Regina Guimarães, o evento teve o objetivo de sensibilizar autoridades e profissionais para a importância de um fluxo de trabalho bem definido entre os níveis de atenção de saúde (primária, secundária e terciária) no Sistema Único de Saúde (SUS), para que as gestantes que são de fato consideradas de alto risco recebam o acompanhamento adequado.

“Nunca vi uma oportunidade tão grande dos profissionais que estão lidando diretamente com as gestantes na gestão primária ver os problemas e utilizar desses dados para mudar a nossa realidade. Foi um grande momento para que pudéssemos unir as duas pontas (primária e terciária) e efetivamente pensar em protocolos que coloquem os pacientes como centro do cuidado”, declarou.

O evento foi dividido em dois momentos. O primeiro, uma palestra ministrada pela Médica Obstetra e membro do Corpo Clínico do CSSJD, Dra. Marina Neves, que abordou a “Condução de pré-natal e seus agravos”.

Durante a palestra, a Obstetra destacou a importância do trabalho da Atenção Primária no atendimento às gestantes, principalmente na identificação de gestações de alto risco. Durante a palestra, as profissionais tiveram a oportunidade de tirar dúvidas sobre parâmetros e condições de encaminhamento das gestantes da atenção primária para a atenção secundária ou terciária.

O segundo momento foi marcado pela realização de duas oficinas, que tiveram o objetivo de ampliar ainda mais os conhecimentos adquiridos. Uma delas teve como tema “Partos e seus agravos”, ministrada pelo Coordenador de Enfermagem da Maternidade do CSSJD, Matheus Lopes.

A outra oficina foi ministrada pela Enfermeira Obstetra Brenda Alves Beirigo e teve como tema “Pré-Natal”.

Uma das participantes do evento foi a Enfermeira Daniela Fernandes Franco, que atua em uma Unidade Básica de Saúde do município de Igaratinga. Para ela, o evento foi uma oportunidade de esclarecer pontos importantes para o atendimento às gestantes de alto risco.

“Para mim vai acrescentar muito no meu dia a dia, pois consegui sanar algumas dúvidas que tinha sobre alguns parâmetros, algumas condições de encaminhamento dessas gestantes de alto risco para a atenção secundária. Então, considero que o evento foi excelente”, acrescentou.

Ao promover ações como esta o Complexo de Saúde São João de Deus vem evidenciar alguns de seus valores: o aprendizado, por meio da troca de experiências e conhecimento, para que o cliente esteja sempre como o centro do cuidado, proporcionando às gestantes um atendimento qualificado de alta complexidade.