Skip to main content

Campanha eleitoral retoma velhos problemas de Divinópolis

 

Antonio Anastasia vistou as obras do hospital público; Empresários entregaram carta ao pré-candidato ao Governo de Minas com cinco prioridades

Amanda Quintiliano

Não diferente de eleições anteriores, a pauta de reivindicações de Divinópolis deverá girar em torno da conclusão do hospital público regional e da duplicação da MG-050. Prova disso é que o pré-candidato ao governo de Minas, o senador Antonio Anastasia (PSDB) mirou a construção na primeira visita à cidade, nesta terça-feira (31), já com o nome homologado em convenção.

O tucano tratou a retomada das obras como uma das prioridades da lista imensa que inclui também realinhar as finanças do Estado para colocar em dia os salários dos servidores e os repasses das prefeituras. Apesar de dar esperança para quem espera há quase 10 anos para ver a unidade em funcionamento, o pré-candidato tem sido realista.

“Vamos fazer todo o esforço para identificar os recursos [verba da saúde] depois de pagar as dívidas, evidentemente, porque não podemos deixar dívidas com os municípios para concluir essas obras”, afirmou.

Veja como foi a visita no hospital e a entrevista no final do vídeo:

Desenvolvimento Econômico

O segundo compromisso foi com empresários na sede da Federação das Industrias de Minas Gerais (Fiemg – regional Centro-Oeste). Cerca de 200 pessoas de variados seguimentos acompanharam a reunião. Uma carta com as cinco prioridades do setor foi entregue ao candidato.

Duplicação

Nela está a duplicação da MG-050 com especial atenção às obras não concluídas, trecho Divinópolis/Itaúna, bem como das trincheiras em Divinópolis. Trecho Divinópolis/São Sebastião Paraíso, cujo término das obras, alavancará o turismo e agronegócio de Furnas e Serra da Canastra. A rodovia é a principal ligação da região com São Paulo. Passam por ela cerca de 20 mil veículos por dia.

Hospital

O hospital público também aparece na lista. Os empresários pedem a viabilização de liberação de recursos para a conclusão da obra que atenderá cerca de 54 municípios. Para ele, investir em infraestrutura é primordial para atrair mais empresas.

Aeroporto

O aeroporto Brigadeiro Cabral não foi esquecido.

“Nossa região é carente de aeroporto com infraestrutura compatível com a necessidade do transporte aéreo e, faz-se necessária a liberação de recursos financeiros para que o Aeroporto Regional seja uma realidade”, consta na carta.

Confecção

O setor da confecção pediu também atenção ao Minas Veste Brasil. Divinópolis, recém eleita cidade do polo da moda mineira, promove, através do Sindicato da Indústria do Vestuário de Divinópolis a negociação direta entre  fabricantes e clientes, por meio da realização de feiras itinerantes, resultando em aquecimento na economia do país e movimentando o turismo de negócios e o comércio nacional. Uma edição ocorre em João Pessoa. 26 empresários da cidade participam.

Encontro de negócios

Anastasia visitou as obras paradas do hospital regional (Christyam de Lima)

Os empresários também defendem apoio a promoção de encontros e eventos específicos como forma de alavancar o desenvolvimento econômico do Centro-Oeste, valorizando os seus arranjos produtivos locais, através da  realização do “Encontro de Negócios e Empreendedorismo do Centro-Oeste de Minas Gerais”.

Ele deverá ser realizado na primeira quinzena de outubro deste ano, durante três dias, para um público de microempreendedores e empresários de pequeno, médio e grande porte, com um investimento de R$ 180 mil, envolvendo cerca de 1.100 participantes e 500 empresas, proporcionando inovação e oportunidades de negócios.

Entrevista concedida na Fiemg:

Amanda Quintiliano

Sou fundadora do Portal Gerais. Jornalista por formação e paixão. Curiosa, observadora e questionadora. Mãe da Cecília, na desafiadora e gratificante tarefa de maternar, empreender, realizar-se.

Leave a Reply