Skip to main content

CSSJD é habilitado como Centro de Tratamento de Má Formação Lábio-Palatal

Por 11/01/2023Gerais

Habilitação ocorreu junto ao Ministério da Saúde em decorrência do projeto REFACES

O Centro de Tratamento da Má Formação Lábio-Palatal do Complexo de Saúde São João de Deus (CSSJD) foi habilitado pelo Ministério da Saúde. A habilitação ocorreu por meio da portaria GM/MS n° 4.390, de 19 de dezembro de 2022 em decorrência da atuação do projeto “REFACES – Centro de Assistência de Reabilitação às Deformidades Craniofaciais”, que atua na unidade desde abril do ano passado.

O serviço é o único em Minas Gerais a oferecer o atendimento hospitalar completo aos pacientes de 0 a 21 anos, ofertando ainda, uma assistência integral, até mesmo antes do nascimento. O centro de especialidades conta com a Clínica Odontológica multiprofissional, além de um Centro Radiológico Odontológico, um consultório de Fonoaudiologia, e outras áreas de suporte dentro da instituição.

Dito isso, o projeto assume uma responsabilidade através de uma assistência completa aos pacientes com deformidades adquiridas e congênitas, tais como os portadores de:

• Fissuras Labiopalatais;
• Síndrome Apert;
• Síndrome Treacher Collins, dentre outras.

Um dos principais pontos do REFACES é resgatar a autoestima e promover a inserção social do paciente. Com a habilitação, o projeto passa a receber apoio financeiro do Sistema Único de Saúde (SUS), para andamento e custeio dos tratamentos, o que, até então, era custeado pelo próprio hospital.

“A conquista da sonhada e almejada habilitação traz uma solidez, tranquilidade e certeza da perpetuação do projeto e da oferta de atendimentos de alta qualidade”, afirma o hospital em nota.

A habilitação reconhece o REFACES em nível nacional, traz subsídios para custear os procedimentos, é concedida pelo Ministério da Saúde e coloca o projeto sob a fiscalização do mesmo. A partir daí, são definidas regras e metas a serem cumpridas e operacionalizadas.

Para o coordenador e idealista do projeto, Dr. Thiago Rodrigues Aguiar, o REFACES é um sonho profissional de uma vida de luta e dedicação.

“Poder proporcionar a viabilidade da existência do projeto faz com que nós, profissionais, nos motivemos a fim de dedicar nosso melhor lado. Aqui, queremos que os pacientes não tenham somente o melhor em estrutura e equipamentos, e sim o melhor em humanidade e atendimento. Espero que o nosso trabalho seja único e traga o melhor a cada paciente, e que possamos ter a certeza que fizemos o melhor a eles”, pontuou.

Após a habilitação, o Complexo de Saúde São João de Deus busca ainda mais preencher os vazios assistenciais e deixar a instituição em posição de destaque.

“E que a partir disso, seus serviços continuem sendo referência não só para o Centro-Oeste mineiro, mas para todo o Estado de Minas Gerais”, finalizou.