Skip to main content

Divinópolis não terá pré-carnaval, confirma prefeito

Ao lado da vice-prefeita, eles declararam que o momento não é para grandes eventos e sinalizaram ser uma precaução com a economia
Por 25/11/2021novembro 26th, 2021Gerais, Últimas Notícias

Ao lado da vice-prefeita, eles declararam que o momento não é para grandes eventos e sinalizaram ser uma precaução com a economia

O prefeito de Divinópolis Gleidson Azevedo, ao lado da vice Janete Aparecida, ambos do PSC, confirmaram, nesta quinta-feira (25/11), que não haverá pré-carnaval em 2022. O anúncio veio poucas horas após o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) dizer ser contra a realização do evento no próximo ano.

A afirmação do presidente ocorreu durante entrevista a rádio Sociedade, na Bahia.

“Por mim não teria Carnaval. Mas tem um detalhe: quem decide não sou eu, segundo o STF, quem decide são os governadores e prefeitos […] ano passado, ainda estava engatinhando questão da pandemia, não tinha óbito no Brasil, eu decretei emergência, e governadores e prefeitos ignoraram. As consequências vieram e hoje temos mais de 600 mil óbitos”, disse o presidente.

Ao lado da vice-prefeita, em um vídeo encenando música e samba, o prefeito disse: “Aqui não, carnaval esse ano aqui não, só na televisão, né Janete?”.

“Pré-carnaval 2022 não poderá acontecer por que não estamos em época de realizar festa com grande número de pessoas”, completou Janete.

Demonstrando ser uma decisão para não impactar a economia o prefeito, então, declarou: “Vocês lembram daquele bordão, fica em casa depois a gente vê a economia? Agora é: Vamos trabalhar depois a gente faz festa”.

O último ano do evento foi 2029 e arrastou cerca de 80 mil foliões.

Veja o vídeo:

 

 

Ao longo dos últimos dias o assunto também foi recorrente nas postagens do irmão do prefeito, o vereador de Divinópolis Eduardo Azevedo (PSC). Abertamente contra a realização do evento, disparou críticas aos prefeitos que até então mantém o carnaval em suas cidades.

 

Amanda Quintiliano

Amanda Quintiliano

Sou fundadora do Portal Gerais. Jornalista por formação e paixão. Curiosa, observadora e questionadora. Mãe da Cecília, na desafiadora e gratificante tarefa de maternar, empreender, realizar-se.