Skip to main content

Divinópolis:Agentes de saúde mobilizam protesto contra manobra que “burla” piso salarial

By 08/08/2022agosto 11th, 2022Política

Prefeitura criou complemento salarial para evitar que progressões fossem calculadas sobre o novo piso da categoria

Os Agentes Comunitários de Saúde e de Combate à Endemias de Divinópolis farão novas manifestações nesta terça-feira (9/8) pelo pagamento do piso salarial de R$ 2.424. O montante foi pago como um complemente salarial na folha de pagamento quitada na semana passada.

Desta forma, os cálculos de anuênios, progressões de carreira, promoções, entre outros benefícios adquiridos, foram sobre o valor do salário antigo.

Tão logo a folha de pagamento foi liberada na quinta-feira da semana passada, os Agentes de Saúde e de Combate à Endemias utilizaram as redes sociais para criticar a postura do prefeito. À tarde, a categoria lotou o plenário da Câmara durante a sessão ordinária e protestou durante as mais de duas horas de reunião. Com cartazes e instrumentos de percussão, quase 100 agentes mostraram sua indignação com as perdas verificadas na folha de pagamento.

Em nota, a Prefeitura admitiu, de maneira subjetiva, que utilizou mecanismos contrários à Emenda Constitucional 120 para burlar o piso salarial de R$ 2.424 e classificou o movimento dos agentes como eleitoreiro.

“A responsabilidade com os recursos públicos deve ser, e sempre será respeitada, não podendo nenhuma ação política ocasionar desestabilização das contas públicas, preceitos básicos da Lei de Responsabilidade Fiscal e princípios fundamentais da Administração Pública”, afirmou a Prefeitura.

Concentração

Ainda na quinta-feira, em assembleia realizada em frente ao Sintram, os agentes aprovaram novas manifestações que serão realizadas nesta terça-feira (9/8). Os protestos serão iniciados a partir de 8h, quando a categoria fará uma concentração em frente ao Centro Administrativo, para “recepcionar” a chegada ao trabalho do prefeito Gleidson Azevedo (PSC) e da vice-prefeita Janete Aparecida (PSC).

A partir de 13h, a categoria se concentrará em frente ao Sintram, de onde sairá em passeata até a Câmara Municipal. A passeata seguirá o percurso pela Avenida Getúlio Vargas, subindo a Rua Rio de Janeiro, contornando pela Avenida Sete de Setembro e descendo a Rua São Paulo até a Câmara Municipal. A categoria ocupará novamente o plenário durante a sessão do Legislativo.

Divinópolis possui hoje 386 profissionais da área, sendo 281 Agentes Comunitários de Saúde e 145 de Combate à Endemias.