Dupla que arrombou uma fábrica é presa em flagrante em Pará de Minas

Eles estavam praticando furtos dentro do imóvel e foram presos, enquanto tentavam fugir

Dois homens, de 29 e 32 anos, foram presos enquanto arrombavam uma fábrica de calçados, no bairro Dom Bosco, em Pará de Minas, durante a madrugada desta quarta-feira (15).

De acordo com informações da Polícia Militar (PM), denúncias relatavam que haviam suspeitos praticando furtos dentro da empresa, estando um deles usando uma alavanca, para fazer mais arrombamentos no interior do imóvel.

Os ladrões arrombaram uma janela, fugiram para a área de produção da fábrica e se recusaram a acatar as ordens dos militares para se entregarem. Os policiais tiveram que fazer uma negociação para que eles se rendessem, mas sem sucesso. Ao perceberem que os PMs iriam entrar por onde estavam, os suspeitos fugiram pelo teto e foram perseguidos na rua, por onde foram perseguidos e contidos.

Durante vistoria na fábrica, juntamente com a proprietária da empresa, foi constatado que eles danificaram uma porta, além de alguns móveis e de aparelhos eletrônicos. A vítima deu falta de uma bolsa azul, que continha uma quantia em dinheiro, a qual provavelmente foi jogada ao chão pelos ladrões, durante a tentativa de fuga e não foi encontrada durante a ocorrência policial. 

Os dois suspeitos foram presos e levados à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), para avaliação médica, devido a pequenas lesões sofridas na tentativa de fuga e a seguir à Delegacia de Polícia. Ainda de acordo com a PM, cada um deles tem pelo menos 06 passagens policiais, por furto, porte ilegal de arma, tráfico de drogas, roubo, dentre outros crimes. 

Um deles tem histórico também por estupro.

Deixe seu comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do PORTAL GERAIS. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O PORTAL GERAIS poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.