Skip to main content

Em protesto contra alta carga tributária, CDL Divinópolis promove Dia Livre de Impostos

By 27/05/2022maio 30th, 2022Economia, Outras Notícias

CDL Divinópolis

o próximo dia 02 de junho, comerciantes em todo o país realizam um grande protesto contra um dos grandes vilões do crescimento econômico brasileiro: a alta carga tributária embutida em produtos e serviços.

Em Divinópolis, a CDL convoca todo comércio varejistas a aderir à 16ª edição do “Dia Livre de Impostos” (DLI). Na data, os consumidores terão a oportunidade de economizar no consumo de diferentes produtos como gasolina, cosméticos, remédios, itens do vestuário, de informática, dentre outros, com a dedução dos impostos.

Para o presidente da CDL Divinópolis, Heider de Freitas, o DLI é uma importante ação de conscientização. “É um dia simbólico e serve para mostrar à população as altas cargas tributárias que incidem sobre os produtos e como que isso impacta na vida de todos nós. Precisamos urgente, de uma reforma tributária efetiva com redução de taxas, desburocratização e simplificação”, afirmou Freitas.

brasileiro já pagou mais de R$ 1 trilhão e 100 bilhões de imposto em 2022 e o Brasil é um dos países onde mais se paga impostos no mundo. A alta carga tributária pesa no bolso dos brasileiros, diminuindo seu poder de compra.

No DLI o consumidor poderá comprar diversos itens sem a incidência dos impostos, permitindo observar o grande impacto em seu poder de compra.

A CDL Divinópolis neste dia, estará na rua com o “Impostossauro”, personagem utilizado na campanha para representar o impacto negativo dos impostos sobre o poder de compra do consumidor e o crescimento econômico do país. Ultrapassado e agressivo, ele é capaz de devorar nosso dinheiro em uma só mordida. Ele é o vilão da nossa história! E é por isso que no Dia Livre de Impostos, vamos prendê-lo bem longe, aonde não vai poder aterrorizar ninguém e os produtos selecionados das lojas participantes serão comercializados com descontos que representam parcialmente o valor dos impostos incidentes sobre os mesmos.

Importante salientar que os comerciantes assumem esses descontos, porém recolhem os valores dos impostos normalmente aos governos, pois o Estado não isenta dessa obrigação fiscal.

Posto de combustíveis em Divinópolis venderá gasolina a R$ 4,85

O Posto Soberano já confirmou a participação na campanha e comercializará 1.000 litros de gasolina comum sem a incidência de impostoslimitados a 40 motos (5 litros para cada) – R$ 24,25 – e 40 carros (20 litros para cada) – R$97,00.

O objetivo é contemplar o maior número possível de consumidores. O pagamento será feito obrigatoriamente em dinheiro. Com o valor pago sem os tributos, cada motorista estará economizando R$ 55,00 reais por abastecimento e o motociclista deixando de gastar R$ 13,75.

O valor de R$/L 4,85 representa o preço da gasolina comum sem a incidência de três tributos (CIDE, ICMS e PIS/COFINS), que representam cerca de 36% de taxas que compõem o preço final do produto. O presidente do Minaspetro, Rafael Macedo, destaca a importância do engajamento da categoria de postos neste tipo de iniciativa.

“Combustível, possivelmente, é o produto que o consumidor observa com mais clareza como a carga tributária é nociva no valor final da bomba. Não por acaso, tradicionalmente, longas filas se formam no dia da ação, mostrando que é um produto que o cliente precisa sempre para se deslocar e trabalhar”, salienta.

Diversas instituições do comércio apoiam e patrocinam a iniciativa, entre elas o Sindicato, representante dos mais de 4,4 mil postos de combustíveis no estado. A ação do posto no DLI desmistifica a ideia de que o dono do posto é o culpado pelo valor da gasolina nas bombas, uma vez que diversos outros fatores e elos produtores da cadeia como a Petrobras, frete, usinas de cana-de-açúcar, além dos impostos, são responsáveis pelo elevado preço dos combustíveis, conforme está demostrado na tabela abaixo:

 

Abastecimento

Serão revendidos 1 (um) mil litros de gasolina a R$/L 4,85, limitado 20 litros para 40 carros (97) e 5 litros para 40 motocicletas (R$ 24,25). Para realizar o abastecimento, é necessário respeitar a ordem de chegada na fila e a sequência de senhas, que serão distribuídas a partir das 7h do dia 02/06, no próprio estabelecimento participante, para quem estiver com seu veículo na fila.

É importante frisar que o abastecimento será feito diretamente no tanque do veículo, ou seja, não é permitido o abastecimento em galões, vasilhames ou quaisquer recipientes, mesmo sendo os galões autorizados pela ANP.

Drogaria Araújo promove Semana Livre de Imposto

A Drogaria Araújo também estará presente das ações do DLI, promovendo a “Semana Livre de Imposto”, de 31 de maio a 07 de junho.

Na ação, os clientes poderão adquirir produtos selecionados com uma redução do valor referente aos impostos. Segundo o presidente da Drogaria Araujo, Modesto Araujo Neto, a empresa apoia o movimento, que questiona não só as altas cargas tributárias do Brasil, mas também, o uso do valor arrecadado com esses impostos. “Com essa ação queremos aumentar o poder de compra das pessoas, evidenciando, com os descontos, a alta carga tributária que impacta diretamente na quantidade de produtos que vai na cestinha do consumidor”, explica. 

A ação é válida para todas as lojas, app, site Araujo e também via Drogatel, pelo 3270-5000. Além da entrega em todo o Brasil nas compras pelo site e aplicativo, o cliente poderá optar pelo Clique Retire – que permite a retirada do produto na loja mais perto, sem passar pelo caixa, sem filas e sem frete.

O DLI

Dia Livre de Impostos (DLI) é uma ação de Conscientização promovida pelas Câmaras de Dirigentes Lojistas Jovem (CDL Jovem) de todo Brasil que compõe o sistema CNDL e com participação da sociedade contra as altas cargas tributárias e o baixo retorno dos impostos arrecadados como saúde, educação, transporte e segurança para população.

O sistema CNDL que hoje representa mais de 500.000 CNPJ’s espalhados por todos os estados Brasileiros. Em 2021 o DLI teve sua participação recebida por diversos shoppings em todo o país e mais de 15.000 varejistas.