Skip to main content

Fúria: Paciente quebra móveis de hospital e é preso

Por 23/01/2023Gerais

Homem queria atestado médico com prazo superior ao concedido pelo médico

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) prendeu em flagrante um homem, de 46 anos, por dano, após quebrar móveis de um hospital em Pará de Minas (MG). A prisão ocorreu na sexta-feira (20/1), conforme divulgado nesta segunda (23/1) pela polícia.

De acordo com o médico plantonista do hospital, o investigado, que permaneceu na unidade durante um dia, não aceitou a recusa de um atestado com prazo superior a oito dias e danificou um computador e uma cadeira do local.

O suspeito relatou ter sofrido um acesso de fúria após a negativa do seu pedido. O homem ainda informou que teria passado por uma cirurgia há alguns meses e estava na unidade naquele dia fazendo acompanhamento hospitalar.

“Diante dos fatos, o suspeito foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil em Pará de Minas, onde teve a prisão em flagrante ratificada por dano qualificado, com a concessão de fiança.”, conta o delegado regional Carlos Henrique Gomes Bueno.

As investigações prosseguem.