Skip to main content

General Mills investirá R$ 300 milhões em Pouso Alegre para expansão

Por 16/01/2023Economia

A fábrica no Sul de Minas já está em obras para a impressão e receberá ainda equipamentos mais modernos.

A indústria de alimentos norte-americana General Mills anunciou que vai expandir operações na cidade de Pouso Alegre, no Sul de Minas. O investimento previsto é de R$ 300 milhões com a expectativa de geração de cerca de 600 postos de trabalho diretos e mais 400 indiretos na região.

A expansão tem recebido apoio por meio da interlocução com a Invest Minas, agência vinculada à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, e resultará em mais renda e emprego para os mineiros.

Proprietária das marcas Yoki, Kitano e Häagen-Dazs, a empresa já tem presença no estado com uma fábrica de produtos em Pouso Alegre e um centro de distribuição inaugurado há menos de um ano, na cidade de Extrema, também na mesma região.

Segundo a General Mills, com a concentração da produção em Pouso Alegre, mais próxima dos grandes centros consumidores, “a empresa terá vantagens estratégicas e logísticas, aumentando a competitividade das marcas no mercado”.

A fábrica de Pouso Alegre já está em obras para a impressão e receberá ainda equipamentos mais modernos.

O CEO da Invest Minas, João Paulo Braga, comemorou a escolha do grupo General Mills.

“Iniciamos 2023 com o pé direito naquela que é a maior prioridade do nosso governo: gerar empregos para os mineiros. Trata-se de uma empresa global, dona de marcas de grande sucesso, acreditando e ‘dobrando’ a aposta em Minas Gerais, com a criação de mais 1.000 novos empregos”, celebra.

Mais investimentos e mais oportunidades

Nos últimos quatro anos, o Governo de Minas bateu recordes de atração de novos investimentos para o estado. Entre 2019 e 2022, foram R$ 274,4 bilhões em aportes atraídos que estimam a geração de cerca de 630 mil empregos. Somente no ano passado, foram formalizados R$ 81,4 bilhões em aportes, segundo maior volume para um ano desde 1998 (quando foi iniciada a metodologia de medição), atrás apenas do ano de 2021, que registrou R$ 104,3 bilhões.

“O grande compromisso da gestão do governo Romeu Zema continuará sendo a geração de empregos e o desenvolvimento sustentável do nosso estado. Diante das melhorias do ambiente para empreender e das vantagens estratégicas, cada vez mais empresas estão escolhendo Minas para suas novas unidades ou expansões. E vamos nos esforçar ainda mais para apoiar empresas que quiserem se instalar em Minas e gerar empregos e renda para os mineiros”, afirma o secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio.