Skip to main content

“Muita apreensão” diz pai do jogador de Divinópolis que vive na Ucrânia

By 25/02/2022março 3rd, 2022Esportes, Gerais, Outras Notícias

Última informação recebida pela família é de que Talles Brener está na fronteira com a Polônia para deixar o país

O jogador de Divinópolis Talles Brener que defende o time ucraniano Rukh Vynnyky já está na fronteira com a Polônia.  A informação foi confirmada nesta sexta-feira (25/2) pelo pai do atleta, Joel de Paula.

 “Muita apreesão até eles chegarem até a fronteira, a fila de carro está muito grande até lá, então eles foram caminhando e agora só falta a liberação na fronteira e tem alguém esperando eles para levar para o hotel”, explica o pai.

Brener está acompanhado da namorada e outros casais, segundo o pai do jogador.

“Muito difícil o que eles estão vivendo. Tem gente chegando na fronteira e tendo que voltar para a casa”, relata.

“Estamos bem”

Em postagem feita, nesta quinta-feira (24/2), nas redes sociais o jogador disse que está bem “diante das cirscustâncias”.

“Boa noite, em meio às circustâncias ocorridas aqui na Ucrânia venho comunicar a todos que estamos bem, obrigado pelas mensagens de apoio e oremos que tudo isso possa passar o quanto antes no país”, postou.

Talles Brenner está na maior cidade do Oeste do país, com mais de 700 mil habitantes, Lviv. Ele assinou contrato com o time ucraniano em julho do ano passado com validade por três anos.

O jogador começou a jogar futebol com oito anos de idade e, a partir daí, ingressou nas categorias de base do Palmeiras. Também passou pela base do Flamengo e da Inter de Limeira-SP, onde avançou para o futebol profissional.

Atualmente Talles possui oito anos de carreira com passagens pelo Fluminense-RJ, Noroeste-SP, Mirassol-SP, Vila Nova-GO e Olympic Donetsk-UCR.

Guerra

As autoridades da cidade de Lviv acionaram as sirenes de risco de bombardeio na manhã de ontem e ordenaram que as luzes da cidade fossem apagadas como medida de segurança “preventiva”.

A Rússia lançou uma invasão em larga escala do país. Essa foi a primeira vez desde a segunda guera que as sirenes foram acionadas.

Amanda Quintiliano

Sou fundadora do Portal Gerais. Jornalista por formação e paixão. Curiosa, observadora e questionadora. Mãe da Cecília, na desafiadora e gratificante tarefa de maternar, empreender, realizar-se.