Mulher é agredida e baleada por ex-marido em Nova Serrana

Depressivo, companheiro não aceitou o término do relacionamento amoroso

Ilídio Luciano

Uma mulher foi agredida e atingida por um tiro no braço e pulmão, em uma tentativa de homicídio na noite desta terça-feira (04) em Nova Serrana.

Segundo informações de testemunhas, passadas para os policiais militares, o principal suspeito é o ex-marido dela que não aceitou o término do relacionamento amoroso.

O homem é residente na cidade de São Paulo e retornou a Nova Serrana para praticar o feminicídio. Ao chegarem ao local da ocorrência, em uma estrada vicinal, que liga o povoado de Boa Vista ao Cachoeirinha, os policiais militares encontraram a mulher recebendo os primeiros socorros da equipe de resgate do Samu, que a conduziu para a UPA em estado grave.

De acordo com as informações da equipe técnica, a mulher apresentava sintomas de agressão na cabeça, além de um ferimento provocado por arma de fogo. O projétil atingiu o braço da vítima e traspassou para o peito, atingindo o pulmão.

O autor da agressão e disparo, de 34 anos sofre de depressão, segundo informações e estaria inconformado com o fim do relacionamento com a vítima. Após o fato, o suspeito fugiu em um veículo Astra de cor prata.

Ele ainda não foi preso.

 

Deixe seu comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do PORTAL GERAIS. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O PORTAL GERAIS poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.