Skip to main content

Preso suspeito de estuprar, agredir e deixar ex sem comida

By 21/06/2022Gerais

Adolescente, de 15 anos, relatou ter sofrido violência sexual e física quando morava junto com o rapaz

Em cumprimento a mandados de busca e apreensão e de prisão preventiva, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) prendeu, na manhã de hoje (21/6), um jovem, de 19 anos, investigado por estupro de vulnerável contra a ex-namorada, na cidade de Iguatama (MG). A vítima, de 15, compareceu à delegacia, acompanhada de uma conselheira tutelar, onde relatou ter sofrido violência sexual e física enquanto moravam juntos.

Na denúncia, a adolescente contou que morou com o suspeito por cerca de cinco meses, alegando que, durante todo o relacionamento, teria sido forçada a manter relações sexuais sem o seu consentimento, além de ter sido constantemente agredida com tapas, enforcamentos e puxões de cabelo.

Além dos abusos, a vítima relatou que o ex-namorado a deixava sem água, luz e comida, tendo ficado sem comer por até cinco dias. A adolescente disse ainda que o homem vendia entorpecentes na casa em que moravam.

Diante das informações, a Polícia Civil deu início às investigações, requerendo a prisão preventiva do investigado, além de um mandado de busca e apreensão. Nesta terça-feira, ambas as medidas foram cumpridas. O homem foi encaminhado ao sistema prisional e está à disposição da Justiça.