Skip to main content

São João de Deus vai substituir almoço e janta da hemodiálise por lanche

By 23/07/2018julho 23rd, 2022Saúde, Últimas Notícias

 

Adortrans critica medida e diz estudar forma para manter as refeições; Hospital afirmou que será adotada dieta balanceada seguindo portaria

Marcelo Lopes

Os pacientes que passam por hemodiálise no Complexo de Saúde São João de Deus, a partir do dia 1º de agosto, não irão mais contar com o fornecimento de almoço e janta. Na unidade, cerca de 240 pessoas realizam o procedimento.

O PORTAL entrou em contato com o presidente da Associação de Doentes Renais e Transplantados (Adortrans), Maldo de Oliveira, que confirmou a informação. Segundo ele, o comunicado foi feito em uma reunião com membros da direção do hospital.

“Me chamaram para uma reunião e me explicaram que estavam cortando gastos e que iriam cortar o almoço e a janta, mas que iriam balancear com uma dieta .Eles não vão fornecer comida, mas vão estar servindo uma dieta, que segundo eles, é compatível”, disse Maldo.

De acordo com Maldo, os pacientes já foram notificados da situação. Ele relatou que o mais preocupante da modificação seria com os pacientes de fora, pois eles estão em um número maior em relação aos que vivem em Divinópolis.

“É complicado para eles chegarem aqui e ficarem sem almoço. O primeiro turno, por exemplo, sai com muita fome, aí até chegar em casa é muito difícil. Agora o segundo turno, já entra e almoça, mas quando passa de duas horas de hemodiálise, a gente já está morrendo de fome. O preocupante é o pessoal de fora. Os daqui dão um jeito, levam uma marmita, estamos pensando até em colocar na Adortrans disponível, mais não estamos ainda adequados a receber isso. Vamos ver o que pode ser feito ainda, pois é complicado e é um centro de referência, vem pessoas de todos os lados, se fossem somente daqui, seria mais fácil de resolver” relatou.

O presidente da Adortrans ainda afirmou que está estudando a situação e segue conversando com pacientes sobre o caso. Uma assembleia será realizada no dia 29, afim de avaliar o que será feito nos próximos dias, além de chamar os diretores do CSSJD para discutir também sobre a modificação

Complexo de Saúde São João de Deus

Em nota, o Complexo de Saúde São João de Deus divulgou se posicionando sobre o caso e inclusive denominou algumas informações divulgadas em relação ao assunto de fornecimento de refeições na Unidade de Nefrologia como inverídicas.

A entidade esclareceu que, de acordo com a portaria 1.675 de 07 de junho de 2018, artigo 67, parágrafo 3°, publicada no Diário Oficial da União, os estabelecimentos de saúde habilitados como Atenção Especializada em Doença Renal Crônica – DRC, deverão “fornecer ao paciente, mediante avaliação do nutricionista, o aporte nutricional durante a permanência na clínica”.

“Seguindo a orientação nutricional serão fornecidas aos pacientes duas dietas balanceadas, uma no início da sessão de hemodiálise e outra no final. Antes era oferecida apenas uma única vez”, disse o CSSJD.

Marcelo Lopes

Graduado em jornalismo e apaixonado por esportes e histórias.

Leave a Reply