Skip to main content

Vídeo: Deputada eleita Lohanna França é cercada por bolsonaristas

Por 13/12/2022dezembro 15th, 2022Política

Lohanna França os chamou de “baderneiros” e registrou ocorrência por injúria após receber mensagens ofensivas e misóginas

A vereadora de Divinópolis, a deputada estadual eleita Lohanna França (PV) precisou deixar o plenário escoltada por seguranças nesta terça-feira (13/12). Ela foi cercada por manifestantes bolsonaristas que a hostilizaram com palavras de baixo calão, além de a chamarem de “comunista”.

O fato aconteceu, após a parlamentar revelar mensagens ofensivas recebidas por ela. Ela tornou-se alvo dos manifestantes após chama-los de baderneiros e acusa-los de atos antidemocráticos, importunação do sossego e ocupação indevida na porta do tiro de guerra no bairro Interlagos.

Eles estavam na câmara, exatamente, para acompanhar o pronunciamento do ex-promotor de Justiça Expedito Lucas que usou a tribuna livre como “direto de resposta” às declarações de Lohanna feitas no dia 28 de novembro.

Leia também:

Após ouvi-lo, a vereadora também usou a tribuna livre e voltou a chama-los de baderneiros. Na sequência, mostrou uma série de mensagens ofensivas, misóginas que tem recebido. Ela informou que registraria ocorrência na Polícia Civil e que, por isso, se ausentaria da reunião.

Ao deixar o plenário, saiu escoltada, mesmo assim, alguns bolsonaristas a cercaram e a hostilizaram. Alguns a seguiram até o lado de fora.

A vereadora registrou a ocorrência, acompanhada do advogado Manoel Brandão, por injúria.

“A biscate sem moral teve 67 mil votos e vai representar milhões de mineiros daqui para frente, assim como o presidente Lula que teve 60 milhões de votos e vai representar todos os brasileiros gostem vocês ou não. O fim do processo eleitoral foi decretado ontem com a diplomação do presidente Lula. A insatisfação faz parte do processo democrático e quem não está satisfeito vai para a oposição e tenta frear os planos do governo. É assim que funciona numa democratia. Eu tenho dó de vocês. E, eu espero que, assim que o Lula assumir, ele cumpra a promessa dele que é ordenar que todas as forças de segurança retirem vocês das ruas imediatamente”, declarou Lohanna.