Vigilância discute retorno das aulas presenciais do colégio militar

Protocolo foi aprovado e fiscais farão vistoria in loco para checar se as adequações foram feitas

Enquanto as escolas estaduais se planejam para voltar ao ensino presencial, a Diretoria de Vigilância Sanitária reuniu-se com representantes do Colégio Tiradentes da Polícia Militar (CTPM) – Unidade Divinópolis.

A reunião foi realizada na sede da diretoria, localizada no Centro Administrativo da Prefeitura de Divinópolis, no dia 1º de março, para discutir a aprovação do protocolo de saúde escolar, que estabelece diretrizes para regresso às aulas presenciais.

O Colégio Militar deverá realizar adequações para que crianças e jovens possam retornar aos estudos presenciais.

“Foi hora de ajustar o protocolo e esclarecer dúvidas”, disse Érika Camargos, diretora de Vigilância em Saúde, órgão encarregado de verificar se protocolos de segurança serão seguidos com série de ações para evitar a contaminação na comunidade escolar.

“O protocolo do Colégio Militar está aprovado ‒ a Vigilância Sanitária realizará vistoria in loco para confirmar que o documento apresentado está de acordo com as recomendações; nesse caso, a escola poderá voltar às aulas assim que o Estado der o sinal”, disse Érika.

No encontro, além da diretora, estiveram presentes o major da PM-MG Ferreira, o subtenente do Corpo de Bombeiros, Bulhões, a coordenadora da Vigilância Sanitária, Tatiane Maria de Freitas, e as fiscais da Vigilância Sanitária, Priscilla Bernardo e Ronara Soares.

Deixe seu comentário

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do PORTAL GERAIS. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O PORTAL GERAIS poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.